Este blog é um espaço de análise e opinião. Da minha análise sobre factos e coisas do dia-a-dia, e da opinião que à cerca delas vou construindo. (antónio casteleiro)           SEJA SOCIAL          PARTILHE este blog           COMENTE individualmente os textos ou passe pelo LIVRO DE VISITAS ...


Home » Viagens

Viagens de Moto – Flórida e a semana das motas DAYTONA

4 Novembro 2006 40.746 views Não Commentado

Tempo sugerido: 15 dias | 9 dias para um roteiro e 1685 km e 6 dias para semana das motas DAYTONA.

É aconselhável fazer esta viagem na primeira semana de Março, em virtude da semana das motas de DAYTONA.

A SEMANA DAS MOTAS DE DAYTONA

Viajar de moto é uma óptima maneira de ver o mundo. Tanto se pode planear o percurso sozinho – o que faz do céu, o limite – como usar os serviços de um dos muitos operadores de férias de moto em todo o mundo. Na maioria das vezes, o aluguer da moto está incluído, o que aconteceu comigo em 1986.

O Daytona Byke Week é um mega evento, um dos maiores encontros de motociclismo do mundo e acontece todos os anos na primeira semana de Março em Daytona Beach que é uma praia, na costa leste da Florida, banhada pelo Atlântico.

O encontro no ano de 1986 foi o 45º evento. Apesar do nome, são na verdade 10 dias de acção motorizada ininterrupta, com cerca de 500.000 pessoas a deslocarem-se até Daytona Beach para o evento.

A Main Street (Rua Principal) é o principal foco de todas as comemorações, com montes de motas em parada, bares, e milhares de adeptos do mundo motociclistas. Há também exibições, espectáculos de ‘cascadeurs’, provas de tatuagens, e até luta livre em salada de couve. Também não falta uma feira de acessórios para motos, artistas em pinturas de tanques de motos, exposição de motos , etc.

Todos os tipos de motos são bem-vindos, mas a maioria dos motociclistas parece dar preferência às Harley-Davidson. No Circuito Internacional de Daytona ali perto há um programa completo de provas de moto para o manter entretido, isto, caso a cena na Main Street se torne demasiado avassaladora. Aí realizam-se provas com motas clássicas, com superbikes americanas e finalmente, a famosa Daytona 200.

A semana das motos em Daytona, é algo que se tem que planear com muita antecedência, nomeadamente o alojamento e a reserva da moto com cerca de um ano antes.

Ir a Daytona e não ter lá uma moto ??!! estão a ver aquela na foto ??!!

São dias inesquecíveis na vida de um motociclista.

Para se aproveitar a viagem e o tempo, fez-se um roteiro a partir de Miami, para que a semana das motas fique inserido nele.

É um roteiro bastante diversificado. Ele abrange atracões mundialmente famosas, como Miami Beach, os parques temáticos de Orlando e Tampa, o charme de Saint Agustine e Key West, a sofisticação de Palm Beach e Naples e a adrenalina de Daytona Beach. Tudo sempre em altíssimo astral, com bons serviços e boas compras sempre ao alcance de uma parada. O melhor: por estradas belas e planas.

Dia 1

Miami 70 quilómetros *

 

Miami – Ocean Drive

Explore uma das cidades mais animadas dos Estados Unidos antes de cair na estrada. A principal atracão é Miami Beach e sua Ocean Drive, a avenida beira-mar . As ruas nos arredores também são cheias de sarnosos exemplares de art-deco. Passear de moto pela cidade é uma boa: as avenidas cortam canais e desvendam paisagens inesperadas, sobretudo na região do porto de Miami.

Palm Beach

Dia 2

Miami / Palm Beach 130 quilômetros *

Comece a viagem através da costa leste da Florida, conhecida pela beleza das suas praias e portos. A primeira parada é Palm Beach, um dos enclaves mais luxuosos de todo o país – quase todos os milionários ianques têm uma mansão de veraneio aqui. Passeie pela Worth Avenue, a rua das grifes, e sinta o clima. Aqui se respira sofisticação (ou ostentação, como preferem dizer alguns).

Dia 3

Palm Beach / Daytona Beach 360 quilómetros *

Deixando Palm Beach para trás, você passará pelo Cabo Canaveral, o centro de lançamentos espaciais do século passado.

Impossível não dar uma paradinha. Mais à frente, Daytona Beach ” A semana das motos “.

Diversão é a palavra de ordem – nos bares, na praia e nas casas nocturnas.

Dia 4 / 5 / 6 / 7 / 8 / 9 ( Motos )

Daytona Beach

Dia 10

Daytona Beach / Orlando 85 quilómetros *

Um dia é pouco para explorar Orlando. Mas, se você nunca esteve na cidade e tem apenas 24 horas para curti-la, visite o Animal Kingdom, o mais clássico dos parques da Disney em Orlando. Ou, se gosta só de adrenalina, corra para o Islands of Adventures, um dos dois parques da Universal Studios. Outras atracções imperdíveis são o espectáculo La Nouba , o parque Animal Kingdom e, se você puder, o Discovery Cove

Dia 11

Orlando / Tampa 135 quilómetros *

A mais conhecida atracção de Tampa é Busch Gardens, parque temático famoso pelos animais e pelas montanhas-russas .

Mas a cidade tem também bons museus, passeios em barcos, um charmoso centro histórico com construções preservadas do século 19, um bairro que lembra a antiga Cuba (Ybor City) e outras boas atracções.

Vista de Busch Gardens

Dia 12

Tampa / Fort Myers / Naples 225 quilómetros *

No caminho para Naples, faça uma parada em Saint Petersburgo, cidade surpreendente à beira do Mar do Golfo. ‘St. Pete’ é tão peculiar que tem um enorme museu só para o artista espanhol Salvador Dali. As próximas paradas são Sarasota – uma próspera comunidade artística com belas praias -, a bela Sanibel Island, a vila de pescadores Captiva Island, e Fort Myers.

Naples, a parada final (pelo menos desse dia) é conhecida como a capital norte-americana do golfe e orgulha-se por ser a cidade mais sofisticada do sudoeste da Florida, com excelentes lojas e restaurantes. E uma praia para Caribe nenhum botar defeito – de águas calmas, mornas, translúcidas e areia branquinha.

Pôr do Sol em Fort Myers

Dia 13

Naples / Key West 400 quilómetros *

Key West

Ao sair com destino a Key West, você passará próximo do Parque Nacional dos Everglades, um dos mais importantes da América do Norte, famoso pelo pântano abafado e seus crocodilos. Em seguida, seguem-se as keys (ou cayos), ilhas que embelezam a paisagem e são ricas em corais, ao longo da Overseas Highway, considerada uma das estradas mais bonitas do mundo, com 43 pontes enormes sobre o mar. Ao longo dela estão Key Largo, Islamorada, Marathon, Lower Keys e, claro, Key West.

Dia 14

Key West

Key West é o ponto extremo sul dos Estados Unidos e quase “toca” Cuba. Nenhuma outra cidade se parece com ela em todo o país: ela é tropical, com ares vitorianos nas construções, boémia, de tradição intelectual e meca de hippies e gays. Ou seja, uma mistura única.

Todo mundo se encontra na Duvall Street , mas, qualquer que seja seu programa, não perca o pôr-do-sol nas docas, uma tradição iniciada pelo dramaturgo Tennessee Williams.

Dia 15

Dadeland Mall

Key West / Miami Beach 280 quilómetros *

Hora de voltar para Miami – caso você não tenha decidido esticar um pouco mais. No caminho, aproveite para curtir a Overseas Highway. Ao chegar na cidade, aproveite para explorar os grandes malls nos arredores de Miami e fazer suas comprinhas. Dois shoppings dentro da cidade podem resolver seus ‘problemas’: o Aventura Mall (Byscaine Boulevard, 19501) e o Dadeland Mall (North Kendall Drive).

* Total de quilómetros rodados de moto no dia.

Mapa

Licença Creative Commons   Este trabalho de Antonio Casteleiro, está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em www.antoniocasteleiro.com

   Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Este blog é um espaço de análise e opinião. Da minha análise sobre factos e coisas do dia-a-dia, e da opinião que à cerca delas vou construindo. Sobre o que escrevo, muitos dos que me lerem estarão de acordo e muitos outros discordarão. Não há mal nenhum nisso. Assim uns e outros saibam respeitar uma opinião contraria. Antonio Casteleiro.