Este blog é um espaço de análise e opinião. Da minha análise sobre factos e coisas do dia-a-dia, e da opinião que à cerca delas vou construindo. (antónio casteleiro)           SEJA SOCIAL          PARTILHE este blog           COMENTE individualmente os textos ou passe pelo LIVRO DE VISITAS ...


Home » Editorial

Envelhecimento e crescimento!

21 Junho 2008 82.743 views Não Commentado

Antonio CasteleiroO envelhecer, para mim é o que acontece com o nosso corpo com o tempo. Ele fica mais fraco, a pele perde o viço, os cabelos caem e ficam brancos, os olhos precisam de um ajuda para ver melhor e ai vai. Resumindo, a velhice é uma coisa que sentimos mais fisicamente, que mentalmente.

O crescimento, é o que acontece também com o nosso corpo, principalmente quando passamos da fase criança para adolescência e finalmente para adulta. Crescemos muito. O crescimento nos dá mais alcance para certas coisas. Perdemos parte da nossa fragilidade. Conseguimos mais certeza das coisas. Um maior equilíbrio para tudo, principalmente para nossa vida.

Então, na minha visão… Crescimento é BOM e o envelhecimento, nem tanto.

O que fazer então quando estamos vivendo? Estamos envelhecendo e também crescendo? Ou estamos somente envelhecendo?

Será que é possível crescer mais que envelhecer? Será que conseguiremos aprender mais, viver mais que o tempo regulamentar de nossas vidas?

Podemos crescer mais? Principalmente sem deixar de viver nossas vidas?

Uma amiga uma vez disse-me para mim, que eu tinha uma mente muito amadurecida para a minha idade. Na época, eu tinha 24 e ela mais de 40 anos. Não sei qual foi o parâmetro que ela utilizou, mas o facto era que conversamos sobre assuntos, que ela dizia não ser normal para um jovem com a minha idade.

Um dia destes, eu estava conversando com um amigo, e ele disse-me que depois do que aconteceu na vida dele no último ano, que estava sentindo-se mais velho. Eu afirmei que ele havia crescido e não envelhecido, dizendo ele que se sentia mais cansado depois que tudo passou.

O crescimento pode acontecer pelo aprendizado em cursos, escola, faculdade ou principalmente com a vida. Sejam eventos acontecidos na nossa vida ou mesmo na vida de outras pessoas.

Envelhecer, digo da forma que nós sentimos que o tempo passou. Sentimos o cansaço da vida que passou. Sente um derrotado e tudo mais ligado a essa sensação má. Não é bom e NÃO podemos e muito menos devemos deixar que a nossa vida seja assim.

Para mim eu sempre cresci… Não que não tenha tido momentos que me sentia velho, mas logo eu via que os eventos que aconteceram, na realidade fui um aprendizado e quando se aprende, cresce.

Aprendizado é a questão… Precisamos aprender em cada oportunidade. Seja olhando para cada onda do mar, aprendendo como são elas, procurando a ordem dentro do caos. Tudo na nossa vida é válido, mesmo que sejamos somente mais uma pequena peça sem valor, dentro do mecanismo de uma colheita de azeitona ou outra. Porque digo tudo isso? Porque a minha vida é só minha. Toda e experiência que vivi, tem que ter algum sentido, seja para mim ou seja para alguém. Eu antes pensava que o que eu sentia, vivia ou pensava não tinha valor. Acabei descobrindo algo totalmente diferente no Blogue e com isso… Descobri que tudo o que havia acontecido na minha vida, não era envelhecimento e sim CRESCIMENTO.

Com o que conheci de Blogues de outras pessoas, eu vi que MUITA gente, antes ilustres desconhecidos, estão expondo suas ideias, sonhos e vidas, tudo na forma de relatos diários, poemas, crónicas ou até mesmo em textos elaborados como este. Desta forma, estou distribuindo o que aprendi com a minha vida, com o meu crescimento.

Ser VELHO é algo triste. Ser VELHO quer dizer tudo mau, mas ser JOVEM é tudo de bom. Podemos ser jovem em um corpo de mais de 80 anos, eu conheço muitos jovens assim, são enérgicos, suas vidas são ativas e ver fagulha pulando dos seus olhos.

Mesmo jovens podem ser velhos. Podemos ver a vida como se já tivesse acabado, como se já tivesse tudo acontecido. Viver dizendo que acabou e por isso, ser um verdadeiro rabugento, ficar resmungando por ai.

Eu acredito que todos meus 54 anos eu cresci. Envelheci fisicamente, pois já estou até com vários partes de minha barba branca, muito bem, fico rindo quando vejo, mas minhas ideias, pensamentos e sonhos continuam crescentes e fervilhantes como sempre foram.

Portanto, saibamos que o que nós dissermos para nós ou para os outros, principalmente o que escrevemos, será uma verdadeira ordem para o nosso cérebro. Temos que sempre dizer que crescemos e que nunca envelhecemos.

Sendo assim, eu digo que CRESCI… Cresci a cada momento, em cada revês, em cada alegria e sorriso. Cresci também com meus amigos e também com os que nem tanto. Cresci vendo, lendo e participando. Principalmente cresci sendo o principal ator de minha vida. Cresci, com o sorriso de meus amigos, com a chuva que cai lá fora, com o movimento dos carros na rua. Crescer não é sorte, é opção…

Opte em sempre crescer e deixe o envelhecimento para o tempo agir no seu corpo e não na sua mente.

Licença Creative Commons   Este trabalho de Antonio Casteleiro, está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em www.antoniocasteleiro.com

   Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Este blog é um espaço de análise e opinião. Da minha análise sobre factos e coisas do dia-a-dia, e da opinião que à cerca delas vou construindo. Sobre o que escrevo, muitos dos que me lerem estarão de acordo e muitos outros discordarão. Não há mal nenhum nisso. Assim uns e outros saibam respeitar uma opinião contraria. Antonio Casteleiro.