Este blog é um espaço de análise e opinião. Da minha análise sobre factos e coisas do dia-a-dia, e da opinião que à cerca delas vou construindo. (antónio casteleiro)           SEJA SOCIAL          PARTILHE este blog           COMENTE individualmente os textos ou passe pelo LIVRO DE VISITAS ...


Home » Politica

Porquê o meu voto nulo?

28 Setembro 2009 43.531 views Não Commentado

Antonio CasteleiroPorque quero que meu voto diga alguma coisa!

Se eu escolhesse este ou aquele político, talvez elegesse um ovo fresco para colocar na cesta de ovos podres. Todos sabem o que acontece… O problema não é que alguns políticos são podres. O problema é que a maioria está com costumes apodrecidos. Basta ver como votam e se protegem uns aos outros. Como conservam seus privilégios e suas impunidades. Por isso, voto nulo: quero dizer com meu voto que sou contra a podridão e não contra este ou aquele político podre.

Porque não quero votar em nulidades.

Os “representantes do povo” são apenas uma parte do governo. São os que deveriam fazer as leis em “nome do povo”. Mas eles fazem em seu próprio nome e no interesse dos que deram o dinheiro para que se elegessem. Aceitam, passivamente, que o executivo legisle. O executivo deveria respeitar a vontade do povo, mas respeita mesmo é a lei do mais forte.

O sistema judicial, infelizmente, que seria a última barreira contra o arbítrio, julga por conveniência, pelo direito positivo apenas, seja legítimo ou não, justo ou não. Desconhece ou esqueceu os princípios da justiça, da equidade e da livre expressão das vontades nos contratos.

Em resumo: os cidadãos revestidos com cargos públicos se anulam, perante a força dos poderosos.

Então, porque votar em nulidades?

Porque se sou contra a pena de morte, não tenho que eleger o carrasco.

Seria inconcebível que se alguém fosse contra a pena de morte participasse da eleição do carrasco, não é mesmo?

Já imaginou se o argumento fosse o de escolher um carrasco mais simpático… ou mais humano?

Votar Nulo resolve?

Não, mas já é um começo. É um recado claro de que já sabemos que não adianta só eleger. Que queremos fiscalizar, que queremos voto optativo, que queremos o fim da impunidade, que queremos poder tirar de lá quem nos enganou, que queremos votar as nossas leis, que queremos menos impostos, menos governo, que queremos partidos responsáveis, que queremos poder eleger candidatos independentes dos partidos, que queremos ser cidadãos e não súbditos. O Voto Nulo é só um recado. É só um começo. Mas já é alguma coisa. É o começo de uma tomada de consciência.

VOTO NULO !  VOTO ÚTIL !

Quero que meu voto seja útil. Não utilizado por este ou aquele candidato para “arrumar” sua vida e a vida de seus compinchas. Útil para dizer que não concordo mais com tanta impunidade, tanta …. e tanta podridão!

Quero: Reforma Política e Jurídica. Já!!!

Licença Creative Commons   Este trabalho de Antonio Casteleiro, está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.
Baseado no trabalho disponível em www.antoniocasteleiro.com

   Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.

Este blog é um espaço de análise e opinião. Da minha análise sobre factos e coisas do dia-a-dia, e da opinião que à cerca delas vou construindo. Sobre o que escrevo, muitos dos que me lerem estarão de acordo e muitos outros discordarão. Não há mal nenhum nisso. Assim uns e outros saibam respeitar uma opinião contraria. Antonio Casteleiro.